Bem Vindo à Agência da Saúde - 30 de Novembro de 2020 - 07:27

Nutrição

Nutrição na Cirurgia Bariátrica

Nutrição | 19/11/2014 09h 49min

A Cirurgia Bariátrica ou Bypass Gástrico é uma ferramenta eficaz no tratamento da obesidade grave. Aspectos nutricionais são de fundamental importância no sucesso da cirurgia. Entende-se como sucesso a perda satisfatória do excesso de peso, a manutenção deste e a preservação da saúde, buscando evitar-se as deficiências nutricionais relacionadas a aspectos do tratamento cirúrgico da obesidade.
 
Obesidade grave ou obesidade mórbida é basicamentedefinida através do índice de massa corporal (IMC). Valoresiguais ou superiores a 40 kg/m² são classificados como obesidademórbida, impõe uma restrição novolume de ingerido, o paciente deverá ser orientado a incluirem seu cardápio alimentos de melhor qualidade nutricional.
 
A seleção de alimentos, neste caso, deverá ser mais qualitativado que quantitativa.A análise da ingestão deverá ser criteriosamentemonitorada.
 
Segundo dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), o aumento da incidência da obesidade está ocorrendo em ambos os sexos e independente da classe social e nível cultural. Porém, com maior prevalência do sexo feminino.
 
Somente o acompanhamento nutricional adequado garante o sucesso da cirurgia, evitando complicações como vômitos, intolerância alimentar, Síndrome do Dumping e perda de peso insuficiente, salientando-se a necessidade de atenção constante quanto ao fracionamento das refeições, mastigação e quantidade de alimentos ingeridos numa mesma refeição.
 
É imprescindível o papel da dieta, onde a intervenção dietética continua sendo a base dos esforços para perda de peso. A restrição da ingestão calórica para o tratamento da obesidade é realizada basicamente para provocar déficit energético e consequentemente reduzir o peso corporal. Dietas com restrições muitoseveras são indesejáveis e perigosas para a saúde, com grandes perdas de água, eletrólitos, minerais, glicogênio e outros tecidos isentos de gordura e com mínima redução do tecido adiposo.
 
As fases das dietas no Pós Operatório de Bypass Gástrico são: Líquida, Pastosa, Branda, Sólida e após é iniciado o processo de Reeducação Alimentar onde é supervisionado no tempo de um ano, até a total readaptação do paciente aos novos hábitos, quantidades, combinações e para atingir a meta em termos de Reeducação Alimentar é preciso levar em conta alguns aspectos práticos relacionados à dieta, é importante adequá-la ao estilo de vida e ao hábito alimentar do paciente.
 
A Cirurgia Bariátrica tem ganhado popularidade e aceitação como um meio efetivo para a perda de peso corporal de indivíduos obesos mórbidos, sendo que, para outrosmilhares de indivíduos com obesidade moderada, são sugeridas mudanças de comportamento no estilo de vida, o que compreende modificações na alimentação e na atividade física.
 
 
 

Fonte:   -Keity Costa

Veja também

Guia da Saúde

Encontre um profisional de saúde pela especialidade, nome ou cidade.