Bem Vindo à Agência da Saúde - 21 de Maio de 2019 - 09:36

Saúde

Medicina personalizada para o tratamento de doenças

Saúde | 07/02/2019 14h 46min

Dr. Mauro Alfredo Gross I M?dico Hematologista e Hemoterapeuta I CRM/MT 7361

A medicina personalizada abrange o uso de biomarcadores, em sua maioria marcadores moleculares, para detectar traços genéticos específicos e orientar diferentes abordagens na prevenção e no tratamento de várias doenças. A identificação de vários genes relacionados a doenças hereditárias, oncológicas e infecciosas leva à detecção de polimorfismos genéticos, que estão envolvidos em diferentes evoluções clínicas dessas doenças e em variações nas respostas ao tratamento.

Os biomarcadores ou marcadores biológicos podem ser células específicas, moléculas, genes, enzimas ou hormônios. Podem ser medidos experimentalmente e indicam a ocorrência de uma determinada função normal ou patológica de um organismo ou uma resposta a um agente farmacológico.ssa técnica.

Mais do que dados clínicos, a medicina personalizada leva em conta a constituição genética de cada um. Utilizando como principal ferramenta a técnica de sequenciamento do DNA, ela permite obter diagnósticos precisos , também chamada de medicina de precisão.  A partir de informações genéticas sobre predisposição a doenças e metabolização de medicamentos no organismo, o método permite desenvolver tratamentos individualizados. Hoje são identificadas mais de 3.000 doenças e a reação para cerca de 100 medicamentos por meio dessa técnica.

Hoje são identificadas mais  de 3.000 doenças e a reação para cerca de 100 medicamentos por meio dessa técnica.

 

FARMACOGENÔMICA

A farmacogenômica permite o tratamento preciso de cada indivíduo afetado , obtendo  melhor resposta e a diminuição das reações adversas. Isso já está sendo aplicado em casos de câncer de mama, câncer de cólon, Leucemias e linfomas  (BCR-ABL, Cromossoma Philadelfia) câncer de pulmão, melanoma, tumores de origem primária desconhecida.

  • Anteriormente procurava-se a localização da doença no organismo...  agora identifica-se a alteração que causa a doença.
  • Anteriormente recorria-se à metodologia "tentativa e erro"... agora o foco é na singularidade do doente.
  • Anteriormente o mesmo medicamento era para todos... agora a terapêutica é personalizada.

 

Se você perceber  qualquer alteração em seu corpo, procure um médico.

 

Dr. Mauro Alfredo Gross
Médico Hematologista e Hemoterapeuta
CRM/MT 7361

Atende no BlutKlinic
Av. Itaúbas, 1952 - Anexo Laboratório Qualité
66.3531-7056  |  99673-3200

Fonte:   Revista Estilo e Saúde em Alta

Veja também

Guia da Saúde

Encontre um profisional de saúde pela especialidade, nome ou cidade.